Relacionamentos Abusivos 15 out 2021

Escrito por: psicoodonto2019

Psicologia

Comentários: Nenhum comentário

RELACIONAMENTOS ABUSIVOS

Desafiador este tema, mas de suma importância abordá-lo. Se fizermos um exercício de resgate de experiências afetivas anteriores, certamente encontraremos subsídios comprovadores de que já estivemos em relações abusivas ou, quiçá, vivemos em uma há anos: desvalorização de aspectos fundamentais como autoestima, amor-próprio, equilíbrio emocional, autoconhecimento, respeito, entre outros diversos.

Nos tornamos reféns sem algemas nem cativeiro.

Tenho consciência do quão difícil é percebermos que estamos num relacionamento ruim porque muitas vezes não aprendemos desde crianças o que é estar num relacionamento saudável, como também, dependendo do momento em que vivemos, a anulação é tão soberana, que o nosso querer/desejo não é suficientemente poderoso a fim de sustentar reflexões possíveis, como:

– É o medo de ficar só?
– É ruim com a pessoa e pior sem ela?
– Com o relacionamento tenho o que preciso por isso que eu fico?
– Nós temos filhos e a separação traumatizará a criança?
– Eu sou financeiramente dependente da pessoa com quem me relaciono?

O que me mobilizou a escrever sobre este tema foi a intenção de promover uma reflexão construtiva e que não se dá na ordem do separar-se ou não, embora alguns casos sejam necessários. Anterior a isso é necessário avaliar o que está em jogo na história, o que se renuncia com a tomada de decisão: compreensão e resgate de si mesmo, sua personalidade, seus sonhos e desejos. Como tem cuidado de si? Tem responsabilizado outra pessoa por esses sonhos e cuidados? Que recursos tem em suas mãos para tomada das rédeas de sua existência?

Encerro informando que, infelizmente, diferentes dos contos de fadas, não atentarmos a estes aspectos será o mesmo que vivermos outras histórias com personagens diferentes, mas repetindo a mesma dinâmica afetiva disfuncional.

Não naturalize, não se acostume com o que não é leve e com aquilo que te faz sofrer…

Psicólogo Marcos Yorinobu

15 maio 2017

Escrito por: psicoodonto2019

Psicologia

Comentários: Nenhum comentário

QUANDO BUSCAR AJUDA DE UM PSICOTERAPEUTA?

O Psicoterapeuta é o profissional que pode ajudar em diversas situações! Um psicólogo com experiência pode utilizar da psicoterapia para diversas situações.

Conheça alguns momentos em que a procura de um psicoterapeuta é recomendada.

​Quando o desconforto psicológico (infelicidade, ansiedade, angústia, depressão) for comparável ao nível de desconforto físico, que o levaria a uma visita ao médico ou dentista;

Mudanças no Comportamento

Quando há mudanças significativas no comportamento, na qualidade do trabalho ou desempenho escolar, no aumento de faltas, uso de drogas, abuso de álcool ou tabaco, mudança na qualidade das relações com as outras pessoas.

Recomendação de pessoas próximas

Quando pessoas de sua confiança, ou outros profissionais da saúde, sugerem que você busque um psicoterapeuta, vale a pena a oportunidade de se questionar e perceber se algo o impede de atingir suas metas e/ou realizar suas atividades, bem como em lidar com o que causa sofrimento a você e aos outros.

O psicoterapeuta ajuda de forma neutra

Quando você sentir que necessita de um espaço, ou mesmo de uma pessoa neutra para refletir sobre algo importante na sua vida, no caso de precisar tomar uma decisão, buscar outra direção, reencontrar antigos desejos, entre outras novas situações.

Transições difíceis na vida

Quando estiver enfrentando transições difíceis de vida como luto, doença, crise profissional ou familiar;

Mudanças de Fases de Vida

Quando houver dificuldade nas mudanças de fases de vida (puberdade, adolescência, vida adulta, menopausa, envelhecimento, aposentadoria).

As situações apresentadas são apenas algumas dentre outras tantas na procura de psicoterapia.

15 maio 2017

Escrito por: psicoodonto2019

Psicologia

Comentários: Nenhum comentário

PSICOTERAPIA

Hot, muggy summers can bring about significant growth issues in your greenery enclosure. While summer fungus–such as the scandalous fine mildew–might not be specifically deadly to your plants, it can bring about compelling scourge that spreads quickly and quickens fall lethargy. What’s more, if left untreated, scourge can at last murder a plant. Try not to give growth a chance to assume control over your patio nursery during an era when it ought to be in its most delightful state. You can keep your foliage. Sodden, sticky climate can make it hard to prevent organism from developing. Be that as it may, there are a couple measures you can take to minimize the probability. Read More “PSICOTERAPIA”

15 maio 2017

Escrito por: psicoodonto2019

Psicologia

Comentários: Nenhum comentário

TERAPIA FLORAL

Hot, muggy summers can bring about significant growth issues in your greenery enclosure. While summer fungus–such as the scandalous fine mildew–might not be specifically deadly to your plants, it can bring about compelling scourge that spreads quickly and quickens fall lethargy. What’s more, if left untreated, scourge can at last murder a plant. Try not to give growth a chance to assume control over your patio nursery during an era when it ought to be in its most delightful state. You can keep your foliage. Sodden, sticky climate can make it hard to prevent organism from developing. Be that as it may, there are a couple measures you can take to minimize the probability. Read More “TERAPIA FLORAL”

Side bar